Seu gato está triste?

Todo gato tem sua própria personalidade, com alguns sendo mais extrovertidos que outros, mas quando um gato tipicamente social fica subitamente quieto e reservado, pode ser preocupante.

Na maioria dos casos, os donos de gatos não têm idéia do motivo pelo qual estão tristes ou deprimidos. Mas, observando alguns sinais, você pode ficar tranquilo sabendo que pode ser temporário. Além disso, aprenda mais sobre algumas causas frequentes de depressão em gatos e seu melhor curso de ação.

Sinais de um gato deprimido

Uma imagem vale mais que mil palavras. Então, é a aparência do seu gato. Preste atenção a alguns sinais de possível depressão em seu gato.

  • Pistas vocais: Estas são indicações muito audíveis de que seu gato pode estar infeliz. Esses ruídos infelizes são geralmente uivos agudos e tristes. Os ronronos nem sempre indicam felicidade e um gatinho infeliz também pode ronronar mais como uma maneira de se confortar. Outros gatos que normalmente são vocais podem ficar quietos, enquanto gatos quietos podem aumentar o volume.
  • Linguagem corporal: Às vezes, a linguagem corporal do seu gato pode indicar sua infelicidade e há muitas posições nos olhos, ouvidos, pêlos e corpo que podem indicar isso. Orelhas retidas, cauda dobrada, pêlos em pé e outros sinais corporais são formas de comunicação silenciosa que seu gato pode estar triste.
  • Agressão ou medo: Gatos tristes tendem a ser mais reativos e agem com agressão ou medo. Se você notar mudanças de comportamento que resultem em um medo ou agressividade anormal no seu gato, elas podem ficar tristes.
  • Grudento ou escondido: Um gato triste pode perder o interesse nas atividades que costumavam envolvê-lo, tornar-se recluso e se esconder. Gatos mais calmos podem se tornar pegajosos ou exigentes, e o medo de estranhos que todos os gatos parecem compartilhar pode aumentar quando um gato está triste.
  • Sono excessivo: Gatos normalmente dormem muito, mas gatos tristes ou deprimidos dormem ainda mais. Se houve alterações na localização de um local favorito para uma soneca, isso também pode indicar tristeza.
  • Má preparação: Isso pode ser um sinal de infelicidade e problemas de saúde. Gatos que não se sentem bem ou estão deprimidos geralmente param de se arrumar deixando casacos de aparência muito desleixada.
  • Não comer: Se o seu gato parou de comer de repente, pode ser infeliz com alguma coisa. Gatos tristes podem desprezar os alimentos de que desfrutavam anteriormente e até perder o interesse em suas guloseimas favoritas.
  • Pulverização: Um gato triste pode usar seu próprio perfume para se sentir melhor ao urinar em locais inadequados. Existem muitas razões para urinar fora da caixa de areia, mas o estresse, a depressão e a tristeza estão no alto desta lista. Seu gato pode urinar em áreas de alto valor, como vigias, seu quarto ou lugares onde o cheiro de um animal de estimação falecido ou de um humano desaparecido permanece, a fim de espalhar seu próprio perfume.
  • Arranhões excessivos: Se o seu gato estiver triste ou deprimido, ele pode começar a arranhar objetos mais do que o normal para aliviar o estresse e marcar seu território.

Razões pelas quais um gato fica deprimido

Pode haver várias razões pelas quais um gato fica deprimido. Não importa o motivo, não deixe de dedicar tempo e atenção extras até que seu nível de felicidade melhore. Se a dor é a culpada, leve seu gato ao veterinário.

Doença

As doenças podem fazer com que o seu gato não se sinta bem e até mesmo com dor. O gato pode não ser brincalhão se dói para se movimentar. O gato pode sentir náuseas, não querer comer, ter um desequilíbrio hormonal ou não ter energia devido à doença. Condições como doença hepática gordurosa, FIV, FeLV, doenças respiratórias superiores, diabetes, hipotireoidismo, doença dentária e outras são problemas graves de saúde que podem afetar o nível de felicidade do seu gato. Se você suspeitar que seu gato está deprimido por estar doente, deve agendar uma visita com seu veterinário o mais rápido possível.

Prejuízo

Os ferimentos podem limitar a capacidade do seu gato de fazer as coisas que ele gostava. A dor após uma lesão também pode impedir que seu gato se sinta tão feliz quanto costuma ser. Verifique se você está seguindo as recomendações do seu veterinário em relação ao alívio da dor ou se seu gato parece estar com dor, agende uma consulta para que ele seja verificado. Mesmo cirurgias e lesões antigas podem causar dor ou desconforto no seu gato e podem exigir alívio da dor crônica.



Perda de um amado

Perder um membro da família é sempre difícil para todos os envolvidos e seu gato não é uma exceção. Quando um membro da família (humano ou animal) morre ou se afasta, seu gato pode sofrer e ficar deprimido. Isso geralmente é apenas um comportamento temporário e, com algum tempo, seu gato volta ao normal. Se o seu gato estiver deprimido porque outro gato da casa faleceu, ele pode se beneficiar de um novo amigo (ou não). Seja cauteloso ao adicionar outro companheiro de casa muito cedo à família. Normalmente, o tempo é o melhor remédio para grandes mudanças nos membros da família, mas também existem remédios naturais, como feromônios e suplementos nutricionais, que podem ajudar seu gato a ser mais feliz nesse meio tempo.